24 outubro 2013

O PT faz mal feito (o caso do Leilão de Libra)

Algum tempo atrás assistimos às ridículas privatizações dos aeroportos promovidas pelo PT. Em um dos casos, entregou-se um aeroporto para uma operadora argentina de terceira categoria com dinheiro de fundos de pensão de estatais alavancada por dinheiro do BNDES financiado por dinheiro do Tesouro. Pouco tempo depois veio a privatização de rodovias, que quase não tiveram interessados. Agora, temos este leilão do Campo de Libra, um dos maiores do mundo, que teve apenas um interessado e que deu o lance mínimo... O padrão que vejo nisto é simples: o PT faz mal feito.

O Maluf antigamente tinha o jingle “Rouba mas faz”. Do PT, especialmente depois do Mensalão, acho que pode ser dito “Rouba e faz mal feito”. Se bem que, como disse Marina Silva, o grupo que participou do Mensalão era um sub-grupo do partido do qual ela não participava e muitos petistas também não. De qualquer forma, se o partido não expulsou então fica na conta do partido mesmo. Aliás, tem uns vendidos na rede que insistem em dizer que o Mensalão nunca aconteceu. Gente burra ou comprada que nunca leu o Relatório da CPI dos Correios, que foi presidida por um petista, e que esquece que quem começou tudo isto foi o dedo duro do Roberto Jefferson a partir de uma briga com o Dirceu. Até hoje fico intrigado com o olho roxo com que Jefferson apareceu. Naqueles dias, Dirceu andava tão arrogante que após dar um chá de cadeira de 3 horas no Gabeira, este foi embora do Planalto e também do partido.

Vários esquerdistas e nacionalistas passaram semanas dando chiliques contra a espionagem americana, dizendo que o alvo era a Petrobras. Não perceberam que nenhuma das majors americanas decidiu participar do leilão de Libra. Talvez o verdadeiro temor dos petistas seja que os americanos descubram todos os malfeitos que a Polícia Federal aparentemente é incapaz de fazer. Aliás, acho que quem dirige a nossa política externa não é mais o Sargento Garcia, acho que é o João Santana, pois aquele discurso da Dilma contra a espionagem foi puramente eleitoral.

O que importa é que se não conseguimos nos defender da espionagem americana, então não conseguimos nos defender da chinesa, européia,...é só querer que dá para espionar a gente. A ABIN, na melhor tradição do SNI, ainda tem o seu foco na espionagem da sociedade brasileira, especialmente da oposição; proteger-nos da espionagem estrangeira não é uma das suas prioridades, especialmente na era petista, onde agentes da ABIN foram recentemente detidos na Pernambuco do governador Eduardo Campos.

Explicar o fracasso deste leilão é difícil, mas vamos tentar. Uma das explicações é a confusão regulatória petista. Aliás, tudo culpa da Dilma, pois o Congresso não mexeu em uma vírgula do projeto do Executivo, elaborado pessoalmente por ela para a regulação do Pré-Sal. Depois de iniciado o leilão, o governo decidiu nomear a diretoria da empresa de petróleo do Pré-Sal, coisa que já deveria ter sido feita há tempos. Até então, a Agência Nacional de Petróleo (ANP) iria fiscalizar e participar do consórcio de Libra, uma aberração regulatória que pode ter afugentado muitas empresas. Além disso, os indicados para estes cargos são empregados e ex-empregados da operadora Petrobras que também dirigem a ANP.

O marco regulatório de Dilma no setor petróleo foi um desastre. Nem o Gabrielli conseguiu impedir as burradas desta figura autoritária. Hoje, a Petrobras é a empresa mais endividada do mundo para tentar sustentar o PAC e um sonho nacionalista que ignora que a Petrobras é uma empresa onde a maioria das ações sem direito a votos pertence a acionistas privados brasileiros e estrangeiros. De fato, o governo faz tanta questão de ignorar isto que não permitiu os “minoritários” indicassem seus dois conselheiros para a direção da empresa...Acho que estas são as explicações para o fracasso deste leilão. Muito autoritarismo da Dilma, que atropela a todos, inclusive seus companheiros de partido. Qual o investidor que pode pagar para ver em um ambiente de negócios deste? Poucos, como o pessoal das telecomunicações, que fez fusões que contrariam a legislação mas que teve assessoria, dizem, do próprio Dirceu... Com um marco confuso como este acho que alguns cardeais do partido não demoram a arrumar novos clientes para suas consultorias.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...