06 maio 2013

Game Over para a Oposição do PT

Muitos estariam inclinados a dizer que o motivo da derrota do PSDB foi o carisma do Lula. Personagens carismáticos e espertos têm o seu papel, como podemos ver no caso de Hitler. Mas o carisma não é suficiente. É preciso um discurso. Hitler tinha o seu famoso discurso do Reich de 1000 anos que devolveria o orgulho ao povo alemão derrotado na Primeira Guerra Mundial.

Acho que João Santana é tão bom quanto Goebbels. E, diferentemente de Hitler, que fazia discursos como se estivesse em transe, ou de Fidel que fala por horas a fio, Lula foi orientado na eleição de 2002 a adotar um estilo paz e amor que é diferente do seu estilo usual. Esta abordagem tem mais a ver com o povo brasileiro que elegeu o ex-golpista e ditador Getúlio Vargas com o jingle: “Vota no velho outra vez, vota no mesmo lugar, o sorriso do velhinho faz a gente trabalhar.”

Fernando Henrique Cardoso, do alto de sua sapiência de Doutor em Ciência Política, nunca foi um governante simpático. De vez em quando escorregava e chamava de vagabundos alguns aposentados privilegiados do setor público. Dizia que o Estado era refém de grupos de interesse e não estava a serviço da população. E, portanto, era preciso reformá-lo. Como já dizia Maquiavel, o papel de reformador é perigoso pois tem-se aliados hesitantes e inimigos ferozes.

Lula soube explorar as fraquezas do discurso de FHC. Em certo sentido, cada um tem a sua teologia. FHC adotava uma teologia mais católica onde o Brasil para avançar precisa sofrer, purgar seus pecados, praticar austeridade para chegar ao Primeiro Mundo. Lula tinha um discurso que misturava o neo-pentecostalismo à Teologia da Prosperidade e ao velho ufanismo dos militares. Foi a receita vitoriosa para um povo carente, de baixa auto-estima, meio preguiçoso e cansado da arrogância e austeridade de FHC. Como era mesmo o jingle? "Sem medo de ser feliz." Este João Santana é um gênio. Muito melhor que um Reich de 1000 anos.

E em 2014? A impressão que se tem é que o PSDB não precisa nem de inimigos tamanhas são suas disputas internas. Sozinho consegue se destruir. E de tão paulista acabou-se reduzido ao governo de São Paulo, onde será atacado ferozmente pelo PT, que não poupará esforços para ocupar o último baluarte da oposição. E então será Game Over para a Oposição do PT.

Um comentário:

zefirosblog disse...

Isso é uma merda. O Homem Massa, já denunciado por Ortega y Gasset, se ressente de tudo aquilo que seja levemente mais intelectualizado que ele, já que presume saber tudo e sempre tem pronta uma opinião pronta sobre tudo - e não exita em confrantar quem quer que seja com ela. Não é sem motivos que não admite ser liderado por alguém com traços de intelectual.

" Como já dizia Maquiavel, o papel de reformador é perigoso pois tem-se aliados hesitantes e inimigos ferozes" triste verdade...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...