30 junho 2009

Somos Todos do Diabo!


I João, 3

8. Aquele que peca é do demônio, porque o demônio peca desde o princípio.

I João, 1

8. Se dizemos que não temos pecado, enganamo-nos a nós mesmos, e a verdade não está em nós.

_____________

E destarte somos todos do diabo, cristãos e não cristãos, de acordo com o Calhamaço de Embustes. Do capeta!

Jesus é o cordeiro de deus, que tira os pecados do mundo, embora os pecados do mundo ainda estejam por aí.

Jesus é aquele que livra os batizados do pecado original, embora continuem pecadores e exilados do paraíso outrora usufruído pelos sem-umbigo, Adão e Eva.

Os não batizados, como o bebê da foto, filhinho de pagãos budistas, estão em pior situação; nascem e morrem contaminados pelo pecado original, não têm seus pecadilhos perdoados ao longo da vida, vivem e morrem do demônio e passarão a eternidade nas caldeiras do inferno.

3 comentários:

zefirosblog disse...

Não é uma perspectiva tão ruim. Costumo comentar que se o paraíso for um espaço casto, abstêmio, onde somos forçados a passar os dias ouvindo harpas e cultuando um deus extremamente inseguro, o inferno não parecerá tão mau. Especialmente porque se poderia levar os dias com uma Heineken nas mãos enquanto ouviríamos Beatles, Elvis e um pouco de ACDC (espero que nenhum carola desatento apareça para me dar lição sobre o que diz a tradição cristã a respeito do inferno).

Catellius disse...

Hehehe

Mark Twain já dizia, não sei se com estas palavras: prefiro o inferno pelas companhias e o céu pelo clima.

zefirosblog disse...

Fiz uma paráfrase involuntária então.

Por falar em Mark Twain, estou com O Estranho Misterioso parado há alguns anos em casa à espera
que eu o leia. Acabo nunca conseguindo, sempre surge alguma outra coisa.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...