01 maio 2008

Prevendo o Futuro

Muita gente gosta de dizer que Nostradamus previu o futuro com suas quadras enigmáticas. Eu prefiro o Scott Adams. Outro dia, relendo o seu livro, fui examinar suas previsões sobre o futuro da humanidade. Animado, resolvi me aventurar por este Sendero Luminoso. A seguir, algumas previsões inspiradas em Dilbert.

Segundo Dilbert, uma boa tendência é que as mulheres vão conquistar mais poder político. A coisa ruim inesperada é que as mulheres são tão tolas quanto os homens. Uma outra previsão interessante é que viveremos mais tempo. A má notícia é que a Previdencia e o sistema de saúde deverão entrar em colapso.

No futuro continuaremos a ter leis propostas pelos bem intencionados e aprovadas com o apoio dos canalhas que se servirão delas. É como esta lei das quotas raciais do PT que propõe dar vagas para pessoas negras em universidades e empregos. Considerando-se a enormidade da população negra e a escassez de vagas, apenas uma pequena elite vai ser beneficiada por uma lei feita em nome de uma dívida histórica que apenas uns poucos receberão. Mesmo assim, os bem-intencionados e os canalhas se aliarão para tentar aprová-lo.

Dilbert na sua previsão 33 afirma que: “No futuro, pessoas altamente qualificadas irão às entrevistas de emprego só por recreação.” O mundo do trabalho deverá continuar relativamente imutável. Continuaremos a ter os que trabalham, os que criticam e os que puxam o saco. Em função disto, continuaremos a ter demissões pois o empregado deverá ser demitido quando ele parar de trabalhar e começar a criticar o trabalho dos outros, a menos que ele se torne gerente e os gerentes deverão ser demitidos se perderem a função por ser virtualmente impossível que alguém acostumado a viver do trabalho dos outros reaprenda a trabalhar. Os puxa-sacos deverão ser demitidos sempre que falharem em puxar o saco do novo chefe. Se bem que em um dos futuros alternativos os petistas vão dar garantia de estabilidade no emprego a todos e aí as empresas todas irão à falência à medida que terão cada vez mais trabalhadores improdutivos que explorarão e desmotivarão aqueles que querem trabalhar. Pior que gerentes, só sindicalistas e políticos que nunca tiveram o mal hábito de trabalhar mas sempre souberam mentir bem.

A previsão 63 é muito boa, segundo ela: “A teoria da evolução será cientificamente desmascarada ainda na sua geração.” Quando isto acontecer o papa Bento XVII publicará uma bula congratulando os cientistas pela descoberta, que além de receberem o prêmio Nóbel, serão canonizados. Enfim, como diria um velho ditado, o mundo não vai mudar enquanto nascer um otário a cada minuto.

2 comentários:

Raphael disse...

Ele esqueceu de prever que o aquecimento global vai anular todas as outras previsões...

Ricardo Rayol disse...

é uma grande verdade, nasce um otário a cada segundo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...